• If you are citizen of an European Union member nation, you may not use this service unless you are at least 16 years old.

  • Social distancing? Try a better way to work remotely on your online files. Dokkio, a new product from PBworks, can help your team find, organize, and collaborate on your Drive, Gmail, Dropbox, Box, and Slack files. Sign up for free.

View
 

Teste Ulisses 1

Page history last edited by Inpi 6 years, 4 months ago

ste documento encontra-se aqui

Teste sobre Ulisses 1

 

Texto A: Aventura na Ciclópia

 

Consulta a tua Obra integral Ulisses, sempre que precises de encontrar informação para responderes às perguntas sobre o Capítulo III: “A Ciclópia”, pág. 18 a 36 ou consulta o texto on line

 

 

Responde ao que te é pedido, segundo as orientações que te são dadas.

 

1. Assinala com um X a opção correcta, de acordo com o sentido do texto.

 

“O navio estava a ser arrastado por uma estranha corrente submarina…” (linha    )

Os marinheiros não contrariavam a corrente, porque

ela os ia levando para onde eles não queriam ir.

    o navio podia perder o equilíbrio.

    Ulisses decidiu que não valia a pena resistir.

   a corrente não abrandava nunca.

2. Assinala com um X a opção correta, de acordo com o sentido do texto.

Ao avistar, ao longe, um arquipélago, Ulisses considerou que tinham tido uma sorte espantosa, porque

    tudo, naquele lugar era enorme.

    tudo naquele lugar era minúsculo.

    os habitantes da ilha eram ciclopes.

ninguém habitava aquela ilha.

 

3. Indica o que Ulisses levou consigo quando saíram do barco para explorar a ilha.

______________________________________________________________________________________________________________________________________

4. Assinala com X a opção errada, de acordo com o sentido da questão.

Quando avistaram, no meio de um rebanho, um ciclope formidável, Ulisses e os marinheiros tomaram uma decisão:

ficaram apavorados e quiseram voltar para o barco.

esconderam-se no meio de um rebanho.

rastejaram até uma gruta com cuidado.

refugiaram-se numa caverna até ao anoitecer.

5. Nesta narrativa principal, encontras uma pequena narrativa encaixada que conta a história de Polifemo.

Explica, por palavras tuas, o motivo pelo qual Polifemo vivia sozinho naquela ilha.

_________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

6. Ao anoitecer, terríveis acontecimentos ocorreram na caverna do monstro.

Transcreve expressões que traduzam imagens sensoriais, preenchendo o quadro:

Imagens Sensoriais Visuais de Movimento

Imagens Sensoriais Auditivas

 

 

 

 

 

 

 

7. Completa a seguinte afirmação, de acordo com o sentido do texto:

Na frase:” E os fortes marinheiros pareciam bonecos nas suas mãos brutais”, o recurso de estilo utilizado foi a __________________________________ e transmite a ideia de que____________________________________________________________________________________________________________________________________

 

8. Quando Ulisses viu que o monstro estava mais calmo, travou um diálogo com ele. Este diálogo é apresentado como as falas das personagens num guião de texto dramático, para

dar mais vivacidade e realismo ao diálogo.

evitar os momentos de pausa.

apresentar o diálogo em discurso directo.

     omitir as intervenções do narrador.

 

9. Ao longo deste diálogo com o monstro, Ulisses tenta salvar a vida dos marinheiros que restam.

Preenche o quadro seguinte transcrevendo exemplos das situações assinaladas.

 

Ulisses  pede um favor

Ulisses oferece um favor

Polifemo pede uma informação

Ulisses dá uma informação

 

 

 

 

 

 

 

 

10. Durante o sono do gigante embriagado, Ulisses e os companheiros põem em prática uma nova astúcia para impedir que Polifemo provoque mais mortes.

Explica, por palavras tuas, o que eles fizeram.

____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

11. Esta história tem algumas características (registadas no quadro abaixo) que também se encontram noutras narrativas que já conheces.

Assinala com X, na coluna correspondente, características próprias das Lendas (L) ou das Lendas e dos Contos Tradicionais ( LC ) ao mesmo tempo.

 

Características da Odisseia de Ulisses

L

LC

Foi transmitida oralmente, de geração em geração, antes de ser escrita

 

 

Tem por base um facto histórico que a fantasia popular foi transformando

 

 

Apresenta aspectos que pertencem exclusivamente a um mundo imaginário

 

 

Texto B – Texto Informativo

Observa este bilhete de ingresso no Teatro Nacional de S. João.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

12. Responde, agora, às seguintes questões, segundo as orientações que te são dadas.

 

QUESTÕES

RESPOSTAS

Observa a frente do Bilhete

1. A que espetáculo se refere este bilhete?

 

2. Qual é o lugar ocupado, por este espetador, no teatro?

 

3. Quem o ocupou?

 

 

4. Quando decorreu este espetáculo?

 

Observa, agora, o verso do Bilhete

5. Dá exemplo de uma proibição.

 

6. Dá exemplo de uma possibilidade.

 

7. Dá exemplo de um pedido.

 

 

 

Responde, agora, ao que te é pedido sobre o funcionamento da Língua Portuguesa, de acordo com as orientações que te são dadas.

13. Considera as seguintes  palavras, derivadas por prefixação ou por sufixação e o sentido dos prefixos e dos sufixos.

A

Reanimados

B

Marinheiros

C

Estalinhos

D

Pavoroso

E

Desgraçadamente

F

Pedregulho

 

Completa o quadro abaixo, escrevendo, à frente de cada valor de sentido, a letra da palavra correspondente. (A,B,C,D,E ou F)

Sentidos dos Prefixos e Sufixos

Letras

1. Valor diminutivo

 

2. Valor Aumentativo

 

3. Profissão

 

4. Negação

 

5. Repetição

 

6. Modo

 

7. Efeito de uma acção

 

8. Cheio de

 

 

14. Completa as seguintes frases, escrevendo os verbos destacados nas

formas finitas ou não finitas assinaladas.

     “Na manhã seguinte, Polifemo ___________________________( retirar, P. Perfeito do Indicativo) o pedregulho, mas antes que as ovelhas ____________________ (sair, P. Imperfeito do Conjuntivo), _________-lhes (ir, P. Imperfeito do Indicativo) __________

_____________ (fazer, Gerúndio) festas. Ao ________________ (chegar, Infinitivo) a vez do carneiro, Ulisses _____________ (cair, Futuro do Indicativo) ao chão!”

 

15. Em cada uma das frases dentro do retângulo abaixo, há duas palavras que estabelecem entre si uma relação especial.

 

 

 

 

Pares de Palavras

Homónimas

Homógrafas

 

 

 

 

 

 

 

16. Observa as seguintes frases complexas.

       Depois preenche o quadro abaixo, indicando as palavras de ligação correspondentes às relações lógicas que elas estabelecem entre as ideias que ligam.

A – Ulisses não dizia o seu nome a desconhecidos, porque isso o fazia sentir-se mais seguro.

B – Polifemo gritava contra ninguém, por isso os outros ciclopes não lhe fizeram caso.

 

Palavras de Ligação

Relações Lógicas

 

Causa

 

Consequência

 

17. Passa a seguinte fala para o discurso indireto, procedendo às alterações que consideres necessárias.

 

 

 

_________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

18. Classifica a  palavra destacada quanto à sua formação: “Os gritos de Polifemo eram de ensurdecer”.

___________________________________________________________________

18. Faz a análise sintática da seguinte frase:

“  Polifemo atirava pedregulhos aos marinheiros.”

Constituintes de Frase

Funções Sintácticas

  • ·      

 

  • ·      

 

  • ·      

 

  • ·      

 

2ª PARTE -  Texto C

Vais agora escrever um texto que deve ter entre 140 e 200 palavras.

1. Imagina que Penélope, num dia em que a saudosa espera lhe pareceu mais longa, passeava junto ao mar, numa praia de Ítaca, observando o horizonte. Foi então que viu aproximar-se, flutuando na espuma das ondas, um pequeno barril de madeira que acabou por encalhar na areia. Ao abri-lo, que surpresa não teria, descobrindo um pedaço de pergaminho escrito pelo próprio Ulisses!

 

2. Que diria Ulisses a Penélope, com tão longa ausência entre ambos, tão pouca esperança que a sua carta chegue ao destino, tantas aventuras por contar, tantas perguntas que lhe enchem o coração? Empresta a tua voz a Ulisses, permite que Penélope leia essas notícias que lhe trazem a prova que ele ainda vive!

 

3. Para recordares a estrutura de uma carta, preenche o esquema abaixo, antes de redigires o teu texto:

 

Comments (0)

You don't have permission to comment on this page.